REDE SOCIAL VERDE PAULISTANA!

Tenho algumas propostas para meu candidato Pavinatto a câmara municipal. São poucas, mais profundas, trabalhosas e necessárias para a nossa cidade.


Tudo parte do Liberalismo Verde (https://www.estocastico.net/post/o-liberalismo-verde), onde temos um equilíbrio entre o individualismo empresarial e o coletivismo ambiental, ou seja: é uma forma de capitalismo com mais regulamentação que as teorias distópicas das escolas austríaca e de Chicago.


Dentro deste cenário temos a filosofia Sustentare (https://www.estocastico.net/post/sustentare) e práticas empresariais como a Economia Circular (https://www.estocastico.net/post/economia-circular). Que no nível municipal precisam ser mandatórias.


No mundo do Liberalismo real, muito longe dos nossos Liberais Brasileiros de Banco Imobiliário, da Terra do Nunca, existe uma regulamentação no Mercado de Capitais a Agenda ESG (https://www.estocastico.net/post/agenda-esg-governan%C3%A7a-ambiental-social-e-corporativa), as empresas que são hoje o principal diferencial das empresas de capital aberto.


Recomendo inclusive ler as seguintes matérias sobre o assunto e não lives de nenhum “Peter Pan” liberal de Banco Imobiliário no Youtube:


https://economia.estadao.com.br/noticias/governanca,o-que-e-esg-e-por-que-esse-conceito-ganhou-importancia-no-mundo-dos-negocios,70003399787


https://economia.estadao.com.br/noticias/governanca,bolsa-mudara-indice-de-sustentabilidade-criado-ha-15-anos-atras,70003417627


Minha proposta a criação de uma “mini agenda ESG” direcionada na esfera municipal a micro, pequenas e médias empresas (de capital fechado e não classificáveis pela Agenda ESG das S/A), que reúna uma série de “best practices” ambientais realistas e pragmáticas, viáveis para tais empresas, concedendo um selo “Empresa Paulistana Amiga do Ambiente”, que estará vinculado ao compromisso e prática da agenda ambiental, que inclusive possa ser recompensado com compensações municipais.


Para tornar esta teoria uma prática viável, seria criada uma Rede Social Verde Paulistana, com apoio de uma Big Tech da iniciativa privada, funcionando dentro da plataforma de uma grande rede social já existente, no caso o LinkedIn (https://www.linkedin.com), da Microsoft, que é uma empresa que respeita o meio ambiente e as pessoas estatutariamente. Esta rede social reunirá empresas-governo municipal-pessoas com denúncias e solicitações on line de crimes ambientais, bem como um workflow para as práticas e ações verdes regulamentadas municipalmente. Ainda incluiremos na Rede Social Verde Paulistana empresas patrocinadoras, como já ocorre no MBC (https://www.mbc.org.br/) que terão este espaço publicitário para divulgar suas ações sustentáveis e até promoções comerciais que gerem receitas assessórias para os projetos ambientais do município.


Esta é minha proposta e se meu candidato Pavinatto vier a ser eleito, estarei trabalhando junto com ele neste projeto, caso ele assim o queira.

Jair Lorenzetti Filho

Administrador – CRA-SP (https://www.crasp.gov.br/)

LinkedIn: https://www.linkedin.com/in/jairlorenzetti/

Biografia: https://www.estocastico.net/post/quem-e-voce

Copyright © 2020 de Jair Lorenzetti Filho. Todos os direitos reservados. Este site ou qualquer parte dele não pode ser reproduzido ou usado de forma alguma sem autorização expressa, por escrito, do autor.

Copyright © 2020 de Jair Lorenzetti Filho. Todos os direitos reservados. Este site ou qualquer parte dele não pode ser reproduzido ou usado de forma alguma sem autorização expressa, por escrito, do autor.